Como cuidar da planta de prímula

Como cuidar da planta de prímula

O seu aspecto delicado e a beleza das suas flores fazem das diferentes variedades de prímulas um sucesso garantido para todos os tipos de jardins. Porém, nem sempre obtemos os melhores resultados na hora de fazê-los crescer fortes e saudáveis. Isso ocorre porque não estamos dando a eles o que precisam. Para que isso não aconteça de novo, vamos ver como cuidar da prímula.

Você verá que não é tão complicado nem requer muito tempo de sua parte. Assim que você conhecer os cuidados básicos, suas prímulas ficarão tão lindas que vão causar inveja a todos que as virem.

O que caracteriza as prímulas?

O que caracteriza as prímulas?

Prímula é um gênero de plantas herbáceas que pertence à família Primulaceae. Embora diferentes umas das outras, todas as variedades são populares para suas flores vistosas e sua capacidade de florescer no início da primavera, antes que outras plantas comecem a fazê-lo.

Aqui estão alguns de seus recursos mais notáveis:

Flores

As flores da prímula são de cores variadas e vivas. É comum vê-las florescer nas cores amarelo, branco, rosa, lilás, vermelho ou laranja.

Podem ser simples ou duplos, dependendo da variedade, mas eles sempre mostram um formato específico de funil. Além do mais, quando floresce em cachos ou umbelas em forma de pompom, eles são muito atraentes.

Folhas

É comum que as folhas dessas plantas sejam verde-escuras e formem uma roseta basal. As bordas podem ser serrilhadas ou lisas, dependendo da espécie em questão.

altura

Como plantas herbáceas, as prímulas não crescem muito. O normal é que seu comprimento fique entre 10 e 30 centímetros.

Variedades mais notáveis ​​​​de prímula

Variedades mais notáveis ​​​​de prímula

Como já apontamos, existe uma grande variedade de plantas deste tipo. Pela sua importância, vamos destacá-los:

  • Prímula vulgar. É a espécie mais conhecida e amplamente cultivada. Com flores amarelas brilhantes com centro mais escuro. É uma planta resistente e fácil de cultivar, daí a sua popularidade.
  • Prímula polyantha. Destaca-se por ser mais compacta que outras espécies e por apresentar floração abundante. Gera densos cachos de flores de cores diferentes.
  • Prímula auricular. Sua peculiaridade é que suas flores têm formato de estrela com um anel de pólen no centro. Embora possam vir em várias cores, as mais comuns são o amarelo, o vermelho, o roxo e o branco.
  • Primula veris. É uma espécie nativa da Europa à qual são atribuídas propriedades medicinais e que produz flores amarelas que exalam um perfume suave.
  • Prímula denticulada. Produz flores redondas e compactas em roxo, rosa ou branco.

Como você cuida da prímula?

Como você cuida da prímula?

As plantas do gênero prímula são relativamente fáceis de cuidar. Embora algumas necessidades possam variar dependendo da espécie, se você aplicar os cuidados que veremos a seguir, você deve ter sucesso cultivando esta variedade:

Luz

Coloque a planta em um local onde receba luz indireta ou sombra parcial. Na medida do possivel, evite a exposição direta ao sol em climas quentes, porque as folhas e flores podem queimar.

Temperatura

Esta é uma planta acostumada a climas frios. Desenvolve-se melhor em locais onde a temperatura diurna se mantém entre 15º-20ºC, e onde a temperatura noturna não desce abaixo dos 10ºC.

Se você tiver em um local com invernos frios, mova-o durante os meses de inverno ou cubra-o para que não congele.

Solo

Quando se trata de como cuidar de uma prímula, o solo é de grande importância. Deve ter boa capacidade de drenagem e ser rico em matéria orgânica.

Você pode criar o substrato perfeito para esta espécie misturando turfa, perlita e solo de jardim em proporções iguais.

irrigação

É importante regar com moderação, especialmente durante a estação de crescimento ativa. Porque em nenhum caso queremos que as raízes fiquem encharcadas.

É melhor manter o solo uniformemente úmido, mas não completamente molhado. Além do mais, É preciso evitar que seque completamente entre uma rega e outra.

No que diz respeito à umidade, um pouco de umidade ambiente moderada é bom, especialmente se estiver em ambientes fechados com aquecimento ou em áreas com climas secos. Você pode adicionar um pouco de umidade colocando uma bandeja com pedrinhas e um pouco de água embaixo da panela.

fertilização

Nestes casos, é aconselhável utilizar um fertilizante específico para plantas com flores, evitando em qualquer caso a superalimentação, pois pode causar graves danos à prímula.

Basta com aplique fertilizante líquido diluído na água de irrigação a cada duas a quatro semanas durante a estação de crescimento, que vai da primavera ao verão.

Como a prímula geralmente floresce bem no início da primavera, é importante fornecer uma dose extra de nutrientes a partir de março.

Poda e manutenção

Embora não seja uma planta que cresça muito, a aplicação de podas controladas ajuda a melhorar a sua saúde e favorece a floração contínua. Portanto, corte flores murchas e folhas amareladas ou danificadas.

Propagação de prímula

Esta espécie é de fácil reprodução, pois Você pode usar ambas as sementes e recorrer ao sistema de divisão do mato.

Após a floração, colete as sementes e coloque-as em substrato leve e úmido até que germinem. Quando as mudas tiverem algum vigor, você pode transferi-las para um vaso pequeno.

Para propagar através da divisão da touceira, espere até o outono, quando a planta estiver dormente. Então, cave um pouco e extraia torrões da planta mãe.

Pragas e doenças

Verifique periodicamente sua planta para ter certeza de que está tudo bem. Porque tem tendência a desenvolver doenças como oídio e ferrugem se for exposto a condições de alta umidade.

Também é importante supervisionar para que ele não esteja sendo atacado por pulgões e ácaros, que São as pragas que mais o afetam.

Agora que você já sabe como cuidar da prímula, não vai custar nada ter suas plantas saudáveis ​​e bonitas. Que variedade você escolheu para sua casa? Conte-nos nos comentários!


Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.