Como cuidar de uma dália anã?

Dália anã fonte: hogarmania

Dália anã fonte da imagem: Hogarmania

Uma das plantas que alegra qualquer cantinho de uma casa, sem dúvidas, é a dália anã. Não ocupa muito espaço e floresce por uma temporada bastante longa, para que você possa desfrutar de suas flores por muito tempo.

Mas Como você deve cuidar dele para que esteja sempre saudável? O que você tem que prestar atenção? Deixamos-te aqui um guia de cuidados com a dália anã para que não tenhas problemas com ela. Continue lendo e você verá.

cuidado da dália anã

Conjunto de dálias anãs fonte: Facebook Always alive

Fonte: Facebook Sempre Vivo

Se você recebeu uma dália anã de presente, comprou você mesmo ou viu e está pensando em comprá-la, aqui você encontrará um guia com tudo o que esta planta precisa para satisfazer suas necessidades.

iluminação

Geralmente o melhor local para uma dália anã não é outro senão um lugar onde haja luz suficiente. Não tolera muito bem o sol, mas se bater de manhã ou de tarde não faz mal, muito pelo contrário.

Se for colocá-lo ao ar livre, recomendamos que fique em meia-sombra para que as horas de sol intenso não o afetem.

Caso você queira dentro de casa, é melhor colocá-lo perto de uma janela para que tenha muita luz. Se o sol ficar muito forte, você pode colocar uma cortina para atuar como um filtro e não queimar as folhas ou danificar a própria planta.

Temperatura

A temperatura ideal para uma dália anã é entre 18 graus mínimo e 24ºC máximo.

O frio não tolera bem, muito menos a geada. Portanto, deve ser protegido se você o tiver no jardim. Quanto ao calor, é melhor que não ultrapasse essa temperatura, mas é capaz de tolerá-lo muito melhor do que o frio.

Detalhe da dália anã Fonte: Facebook Siempre Viva

Fonte: Facebook Sempre Vivo

substrato

O solo da dália anã deve ser bem solto. você precisa ter um Mistura de solo muito rica em nutrientes, como turfa, misturada com drenagem, como perlita.

Desta forma, você estará criando um solo rico, mas sem endurecimento. As raízes da planta agradecem.

E você também deve levar isso em consideração porque é recomendável que, À medida que a planta cresce, você terá que adicionar substrato. Você precisa deixar apenas 2 centímetros entre a borda do vaso e o substrato sempre.

Se você perceber que as raízes começam a sair dos orifícios de drenagem, será necessário transplantá-la. É melhor dar-lhe espaço suficiente no pote, por isso não recomendamos que o coloque num onde fique muito apertado.

Algum dia você precisará incluir uma estaca para apoiar o caule da planta e que não quebre ou dobre sob o peso das folhas e flores.

irrigação

As dálias devem ser regadas com muita frequência, pois precisam de água. Em geral, você precisará regá-los duas a três vezes por semana no verão. Enquanto no inverno você pode regar uma ou duas vezes por semana (ou a cada duas semanas se houver muita umidade).

Claro, ao regar é importante que não espirre em flores ou folhas porque, se o fizer, pode causar doenças.

Também não é bom exagerar na rega, ou que fique estagnada, porque só vai fazer com que as raízes apodreçam (e em pouco tempo pode morrer).

Junto com a irrigação, outro cuidado importante com a dália anã é a umidade. No seu habitat natural tem uma humidade ambiental de pelo menos 75%. Portanto, onde quer que você o tenha, tente deixá-lo bem úmido. Não poder adicionar água às folhas e flores, isso limita muito na hora de borrifá-la, então a única maneira de dar mais umidade pode ser através de um umidificador que mantenha esse valor alto.

Pote de pequenas dálias Fonte: Youtube Jardín Feliz As belas belezas do México

Fonte: Youtube Happy Garden As belas belezas do México

fertilizante

A dália anã precisa de fertilizante quase constante. Aplicar a cada 15 dias, sempre com água de irrigação. Porque tanto? Como a floração desta planta gasta muita energia da planta e também a mantém por muito tempo, isso significa que você precisa repor os nutrientes com mais frequência do que com outras plantas.

Durante o inverno não é necessário fertilizá-lo, pois pode entrar em hibernação, embora se a temperatura for quente ou quente, uma vez por mês ou a cada dois meses não seria uma má ideia, como manutenção.

Poda

Apesar de anã, a dália vai precisar de uma boa poda de vez em quando. Em geral, você sempre terá que se concentrar nas partes que murcharam para removê-las o mais rápido possível da planta.

Além de deixá-la feia, pode ser fonte de doenças ou atrair pragas que você não deseja ter em sua planta.

Pragas e doenças

A maioria das dálias anãs, como as dálias, têm problemas quando submetidas a altas temperaturas, umidade alta ou baixa e rega (rega insuficiente ou excessiva). Uma das principais doenças que podem matar a planta é a podridão desde a raiz, especialmente no verão.

Outros problemas Os que você enfrentará são:

  • oídio, você oídio, que aparece com altas temperaturas e alta umidade.
  • Fungo cinzento, ou brotite, que aparecerá nas flores, apodrecendo-as.
  • Doença do mosaico.
  • murchando…

Quanto às pragas, os ácaros vermelhos e os ácaros são os mais propensos a atacar as dálias anãs. Em casos graves, pode fazer com que seu crescimento desacelere e deixe cair suas folhas e flores.

Reprodução

Finalmente, vamos falar com você sobre a multiplicação da dália anã. Isso pode ser feito de duas maneiras diferentes:

  • Por um lado, através de sementes que podem ser coletadas das flores e plantá-los na primavera seguinte. Claro, eles vão demorar um pouco para crescer e florescer.
  • Por divisão de tubérculos. O melhor é que o faça na hora de transplantá-lo, que será quando retirar quase todo o solo que tem para preenchê-lo com novo substrato. Se nessa época você vir novos tubérculos, pode dividi-los e plantá-los separadamente. No início, eles param, mas depois de um tempo eles se ativam e crescem como a planta mãe.

Tem em conta que dálias crescem de bulbos e a planta murcha no final do outono. Há algumas que deixam o bulbo dentro do vaso e protegem o solo das geadas ou do frio para que reapareça na primavera. No entanto, outros acreditam que é melhor retirá-lo e armazená-lo em um local seco e escuro para plantá-lo novamente na primavera.

Ambas as opções são boas, mas você deve saber que isso só pode ser feito por alguns anos (não dura para sempre).

Você tem alguma dúvida sobre como cuidar de uma dália anã?


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique clicando aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.